Por um Mundo mais solidário


Livro de Visitas - COMENTÁRIOS

Data: 28-07-2020

De: feranada almeda santos (lisboa)

Assunto: Re:Re:Объятие от отца к ребенку

O senhor padre e memo padre olhe essa que choram não me faz pena nenhuma quer saber era uma grande p como a mae dela o mosntro que escreve e outrio c Va para a p que p Essa também já foi a vaca teve tudo dele, já os filhos não espero que va tambem como os outrios que ja foram ira acabares so la pelo brassil adorei

—————

Data: 23-07-2020

De: BEATRIZ BENJAMIM CAMPOS NÓBREGA (DAMAIA)

Assunto: LEITURA CATIVANTE

Este livro A III GUERRA À LUZ DA BÍBLIA é mais uma obra falando do coronavírus, mas é diferente das outras, extraordinário consegue captar a nossa atenção desde o seu início até às suas últimas páginas sem nos deixar ainda mais apreensivos e com medo.

—————

Data: 23-07-2020

De: PATRÍCIA FONTES DA SILVEIRA (LISBOA)

Assunto: DIÁRIO DA QUARENTENA

Este livro é um autentico Diário da Quarentena! A III Guerra À Luz da Bíblia. O ano de 2020 foi inacreditável, impensável e inimaginável: o ano da quarentena. Todos fechados em casa para cumprir isolamento social na tentativa de proteção contra o coronavírus, o inimigo número um da humanidade e responsável pela pandemia decretada em março. "#Fique em casa" foi a frase mais ouvida! Mesmo com medo e ansiedade, foi necessário resignificar a rotina e as relações. As crônicas, testemunhos deste livro são um recorte desse tempo, um pequeno registro, muito importante, sobre o que foi viver 60 dias confinados. O leitor encontrará testemunhos leves e até divertidos sobre as mudanças nas pessoas e no mundo, que não foram poucas. Mesmo com todo o drama presente, o humor se fez necessário, principalmente para manter a sanidade.

—————

Data: 23-07-2020

De: EDUARDA SALVADOR QUEIRÓZ (LISBOA)

Assunto: POR DEMAIS IMPORTANTE

Portugal é um dos países mais seguros e pacíficos do mundo, mas não deixa, por isso, de ser assolado por flagelos que o ameaçam, pondo em risco a segurança e o desenvolvimento do país: a corrupção, a violência doméstica, o terrorismo e as epidemias, agora a covid-19. Nesse capítulo, este livro dos autores, Aloisio Ferreira e Ada Lima é uma maravilhosa leitura, ainda por cima, num momento em que tanto se escreve e diz sobre a Pandemia, eles focam uma parte que ninguém liga e é por demais importante, Deus e a Bíblia.

—————

Data: 23-07-2020

De: PALMIRA LEONARDO CÉU ANTUNES (MACAU)

Assunto: PERSPETIVA DIFERENTE

A III GUERRA À LUZ DA BÍBLIA, um livro atualíssimo sobre o Covid 19, em que os autores, Aloisio Ferreira e Ada Lima nos oferecem uma perspectiva diferente, à Luz da Bíblia, de uma Pandemia que veio nos afrontar. Excelente.

—————

Data: 22-07-2020

De: JULIANA ANJOS DOS SANTOS (VALE DE MILHAÇOS)

Assunto: UMA OBRA INCRÍVEL

Sou enfermeira e todos os dias estou na luta, como todos os meus colegas e baixei este livro com muita curiosidade. Os autores não me desiludiram, na forma como retratam esta história estonteante da Pandemia, que nos deixou a repensar, a temer a vida e a pedir socorro. Muito obrigado aos autores por nos mostrar que há um Deus e que podemos ter esperança... muitas vezes temos de perder, algo para alcançar algo maior...

—————

Data: 22-07-2020

De: FERNANDO ESTEVES ALMEIDA (SABUGUEIRO)

Assunto: A ESTRADA DA SALAVAÇÃO

Neste livro A III Guerra À Luz da Bíblia verificamos que o luto, a dor, o tormento que estamos a viver nada valem e tudo faz parte da milagrosa ESTRADA DA SALVAÇÃO de um qualquer Deus. Que arrogância! Até de agradece a esse Deus pela Pandemia, como se fossemos carneirinhos obedientes. Obrigado pela Pandemia que somos tão maus, só fazemos maldades, mas tenha lá peninha de nós e mande a pandemia embora. Deplorável e péssimo.

—————

Data: 22-07-2020

De: LUISA MIRIAM NASCIMENTO CRUZ (ERICEIRA)

Assunto: TORNAR OS INVISIVEIS VISIVEIS

Um belo livro, certamente nascido desta nova realidade humana. A III GUERRA À LUZ DA BÍBLIA retrata o que tem sido esta Pandemia. Os escritores, Aloisio e Ada o fazem baseados na Bíblia, pretendendo mostrar que o que nos deixou tão assombrados, afinal estava previsto na Bíblia. No livro são apresentados ao leitor, misturam-se com as próprias vivências, as dos familiares, amigos e conhecidos, com quem se mantiveram em contato, ao longo da quarentena. O que de mais notório então se constata e os autores referem isso, foi o surgimento de uma enorme onda de solidariedade afetuosa: as pessoas passaram-se a interessar mais pelo semelhante, procurando socorrê-lo e ajudá-lo, a ponto de, por vezes, o fazerem com risco da sua própria vida. Como os autores muito bem explicaram, em Portugal, os idosos viviam, muitas vezes sós, morriam sós, sem ninguém dar por isso, sem sequer reparar nisso e só quando a solidão dos idosos os passava a incomodar; ou seja, quando já não era solidão, o idoso já morrera e o odor transparecia para as escadas de acesso aos apartamentos é que chamavam as autoridades para verificarem o que se passava... Agora, no confinamento, todos se preocupam e oferecem ajuda... A pandemia teve o condão de tornar mais visíveis os idosos e outros invisíveis.

—————

Data: 21-07-2020

De: ESTEFÂNIA MIRANDIM VAZ (SABUGUEIRO)

Assunto: A VERDADE QUE PRECISAMOS LER

Este livro, A III Guerra À Luz Da Bíblia é uma lufada de ar fresco, no sentido em que nos faz ler muitas verdades que, embora já as saibamos, quando é alguém a esmiúça-las, tornam-se ainda mais verdadeiras! Todos sabemos que há muito que o homem se anda afastando de Deus e isso só o pode levar ao sofrimento e ao desespero. Um livro de auto ajuda muito fora do comum e totalmente recomendável! Parabéns aos escritores, Aloisio Ferreira Casa e Ada Lima Lima.

—————

Data: 21-07-2020

De: FIONA MIRANDA GARCIA (ERICEIRA)

Assunto: 5 ESTRELAS

Um excelente livro sobre a Pandemia, Deus e a Bíblia. 5 Estrelas!

—————

Data: 21-07-2020

De: ANDREIA LOURENÇO MESQUITA (ADELAIDE)

Assunto: DESCOBERTA

Estou em Adelaida, Austrália, emigrada há 26 anos e a Pandemia por cá vai mal. Estivemos confinados, desconfinaram e agora estamos de novo confinados, por uma segunda vaga da Pandemia. Resolvi baixar este livro, de Ada Lima Lima e Aloisio Ferreira Casa, não com muita esperança de ele me trazer mais animo. Estamos sempre com medo. Li o livro. Foi o início de uma descoberta maravilhosa sobre Deus, Daniel e suas profecias e sobre o paralelo entre o Dilúvio e a Pandemia. Achei muito interessante!

—————

Data: 20-07-2020

De: PAULINA MEIRELLES BATISTA DE JESUS (LISBOA)

Assunto: VENCEDORES COM DEUS

Isto que vivemos hoje é uma algo que nunca vivemos. Esta livro é uma ajuda para compreender os novos tempos e para entender uma Pandemia que nos está a ameaçar como nunca fomos ameaçados. É importante a tomada de consciência de todos, governantes, políticos, técnicos e povo em geral, para que não se desperdice a oportunidade facultada à Humanidade pelos males do COVID-19, e se redefinam objetivos e opções de ordem económica, política e social. É importante que no meio de tanto sofrimento e perda, se semeie esperança, aquela esperança que anima sempre os filhos de Deus, porque com Deus, sempre seremos vencedores.

—————

Data: 20-07-2020

De: MARIA ADELAIDE MENGAS MATAFOME FERREIRA (LISBOA)

Assunto: UM ENORME PRAZER... FORÇA MEU AMIGO!

Foi um enorme prazer participar neste projeto do meu amigo e companheiro dos tempos do Teatro O Gaja, quando era uma jovem cheia de sonhos recém-chegada a Lisboa. A minha participação limita-se ao meu testemunho sobre o que me vai na alma nestes tempos. Um funeral inicia o processo de luto quando dizemos nosso último adeus ao ente querido, ao mesmo tempo em que estamos cercados por familiares e amigos. Nesta Pandemia são muitos o que nem essa hipótese tiveram, como o meu amigo que está longe, mas mesmo que estivesse em Lisboa, de certo não poderia estar presente no funeral da sua jovem pupila e “filha”. Era o seu tutor. Uma jovem cheia de vida, 28 anos, atleta que depois de andar lá por fora, jogando em equipas espanholas, francesas, suíças, estava de regresso ao Benfica, extremamente feliz e a Covid a levou. Compartilhar este livro com todos nós é um ato de amor dos autores, ajudando-nos a ultrapassar isto, fornecendo algumas ideias sobre como se honrar a pessoa amada mesmo depois do funeral. Nunca fui de ir na Igreja, nem tendente a crer em Deus. Neste livro, em algumas passagens, os autores me levantam a dúvida... Será que estou errada? Se calhar estou... Já estive e continuo a estar errada em tanta coisa... Resta-me deixar as minhas condolências a meu amigo nesta hora... Que paradoxo. Acaba de publicar este livro e perde mais uma pessoa querida para o Covid-19.

—————

Data: 20-07-2020

De: FRANCISCA DOMINGUES CARDOSO (CANEÇAS)

Assunto: CAMINHOS ALTERNATIVOS

Li com muito interesse este livro que fala da pandemia. Ele aponta alguns caminhos para ultrapassarmos isto. Estou cheia de dúvidas. Será a recuperação da economia em 2020 e 2021 mais rápida do que após 2011? Porque são a banca e a dívida pública fontes recorrentes de preocupações? As instituições europeias falharam em 2010; estará a acontecer o mesmo agora? Quais as limitações ao que o BCE pode fazer? Neste livro Aloisio Ferreira e Ada Lima, ao contrário de outros livros, nos chamam a importância de estarmos conectados com Deus, oferece caminhos e respostas, propõe desafios que não encontramos noutros lados.

—————

Data: 19-07-2020

De: SANDRA ESTEVEL FELICIANO CHAVES (ALDEIA GAVINHA)

Assunto: SUSPENSE SURPREENDENTE

Bom livro este A III Guerra à Luz da Bíblia. Sobre esta história repleta de suspense, amor e ódio, que estamos a viver na vida real, com intensidade. Fomos apanhados de repente e arrastados para a trama das tramas, onde esse vírus nos ameaça tombar. Nesse trajeto somos forçados a saber como doí, aprender a conviver com a dor. Numa trama, repleta de personagens muito completos e interessantes, todos nós, a humanidade, quem dirige a cena é o vírus, mas estes dois autores, Aloisio Ferreira e Ada Lima Lima nos abrem as portas da esperança, através de Deus e confiamos que a história ainda vai ter a sua reviravolta e vamos ser nós, humanos e acima de tudo, o povo de Deus, a ter a última palavra. Andava necessitada desta lufada de esperança que os autores nos transmitem neste livro.

—————

Data: 19-07-2020

De: JOANA MENDES BAIÃO (LISBOA)

Assunto: GANHAR UMA VIDA

Li Este belo livro sobre a Pandemia. Muito importante e acima de tudo, nos aproxima de Deus, nos ensina a ganhar uma vida, a vida eterna conectados com Deus, independentemente da Pandemia e dos seus efeitos. Adorei.

—————

Data: 19-07-2020

De: JOANA ADOSINDA SANTOS DE CASTELO BRANCO (ERICEIRA)

Assunto: EXCELENTE

Poderá ser muito cedo para tirar conclusões definitivas acerca das reais consequências da pandemia do novo coronavírus que ainda atravessamos. Este acontecimento à escala global que, apesar de previsível e expectável, apanhou o mundo de surpresa, impôs transformações drásticas no modo de vida de alguns e expôs a necessidade absoluta de mudança para muitos mais. Este livro é excelente, nas suas reflexões. Ada Lima e Aloisio Ferreira conseguiram captar com bastante profundidade este momento único da humanidade. Muito importante o dar voz a todos os que testemunharam e partilharam experiências, medos, desconfiança, ostracização, insegurança, clausura e outras formas quejandas de violência, a pandemia e a ameaça à segurança individual que ela representa forçaram alguns Estados a tomar ações urgentes e emergentes que, pela sua natureza de exceção, iluminaram contradições sociais, económicas e políticas latentes nas sociedades atuais. Neste ensaio de assinalável lucidez, Ada Lima e Aloisio Ferreira, ilustres desconhecidos dos meios literários, expõem alguns paradoxos desconcertantes deixados a descoberto pela crise pandémica e analisam o impacto profundo que esta terá sobre a globalização, a cooperação internacional e a coesão nacional, o advento de novos autoritarismos, e nos direcionam à conectividade com Deus.

—————

Data: 19-07-2020

De: ANA MARIA DOS SANTOS MALHÓ (VILA FRANCA DE XIRA)

Assunto: LAMENTO

Somos um país cada vez mais envelhecido. Daqui a três décadas, quase metade dos portugueses terão mais de 60 anos. Lamentamos e recordo que o Senhor Aloisio Ferreira Casa foi funcionário desta empresa, Comboios de Portugal, e da Refer, ligada aos comboios, por mais de 25 anos, como Chefe de Segurança. Neste livro são atacadas as empresas de transporte o que não entendo. Aqui nos Comboios de Portugal e nesta estação, Vila Franca de Xira, pautamos nossa conduta por dar apoio a todos os utentes, em especial os idosos. O problema focado tem a ver com politicas empresariais e não desrespeitámos a indicação do governo para reforçar a frota. Contudo há etapas a vencer, no mobilizar de trabalhadores em Lay-Off e voltar a mobilizá-los. Lamento a referência de mau gosto.

—————

Data: 19-07-2020

De: ANDREA DINIS PENICHE (LISBOA)

Assunto: BOM COMEÇO

A III GUERRA À LUZ DA BÍBLIA! Trata-se de um livro que cruza as várias vertentes de um tempo que nunca imaginámos ser possível vivermos. Além de explicar bastante bem a questão da Pandemia, a sua ligação com a Bíblia, no final demonstra alguns tópicos interessantes para nós podermos ter um bom começo ou recomeço como desejarem. Para mim, depois da Pandemia nada voltará ao antes e será sempre um começo, um novo começo. O livro é poderoso e raro. Não tem tabus, como notará quem o ler, e é assim a literatura e a história que não se esconde atrás de preconceitos ou de biombos de sala.

—————

Data: 19-07-2020

De: CÂNDIDA MARIA ANSELMO NORTE (LISBOA)

Assunto: SURPREENDENTE

Este livro é complexo. A III GUERRA À LUZ DA BÍBLIA é um livro complexo, fascinante e desconcertante. Surpreendente.

—————

Data: 19-07-2020

De: ANA CRISTINA FERNANDES FERREIRA DOURADO (FOGUETEIRO)

Assunto: CHAME-SE DEUS

Começo por dizer que sou do Conselho de Administração da Fertagus, a empresa que explora o Comboio que liga a Margem Sul a Lisboa e sobre este livro, achei o muito corajoso e único sobre a Pandemia, toda a dor enfrentada pelos portugueses e até, sobre os mistérios da vida. É surpreendente e desassombrado, a forma como ataca as empresas de transporte e as acusa de não terem colocado toda a sua frota nas ruas depois do desconfinamento que afinal, é apenas parcial. Tudo bem, cada um tem a sua opinião... Só que aí, o livro se torna contraditório. Então apresenta solução tão milagrosa, um Deus que se está apenas divertindo conosco, nos esmagando com o vírus até que sejamos submissos e explorados por ele ao ponto de confessar que somos pecadores e pedir desculpa... Depois de muito humilhados esse Deus levantará o cabresto, pegará no vírus e leva-lo-á sabe-se lá para onde e todos os nossos problemas ficarão resolvidos. Basta apenas sermos carneirinhos mansos e submissos aos caprichos de um Deus que nem sabemos onde está, de onde surgiu, quem é? Aí eu pergunto, então porquê a preocupação conosco? Se colocamos ou não toda a nossa frota na rua? Se não têm comboio? Ou metro, ou elétrico, autocarros, deixe-nos em paz e chamem o vosso Deus que de certo se encarregará de logo enviar a mais sumptuosas das carruagens para vos servir.

—————

Data: 18-07-2020

De: RITA MIGUEL DOS SANTOS MORGA (LISBOA)

Assunto: UM LIVRO LINDO

A III Guerra À Luz Da Bíblia nos emociona. Os tempos são de dor, mas este livro é um sinal de esperança para a vida, na forma como trata a Pandemia. Adorei este livro! Com muitas curiosidades sobre a Bíblia e sobre Deus. Nos anima e dá forças!

—————

Data: 18-07-2020

De: CARLOS SANTIAGO TÂMEGARA (ERVIDEL)

Assunto: MAIS UM

Embora não viva atormentado com vírus, não deixo de me preocupar. Assim li mais um testemunho, ou vários, contidos neste livro. O livro é uma boa súmula de possibilidades para o futuro, assim como de constatações do presente, nesta luta anti-Pandémica.

—————

Data: 18-07-2020

De: VIRGÍNIA OTAVIO CASTRO CAMPOS (ERICEIRA)

Assunto: ETERNA APRENDIZ

Baixei o livro A III Guerra À Luz Da Bíblia com curiosidade. Quando vivemos numa nova realidade que nunca imaginámos ser possível, somos levados a procurar respostas. Neste livro encontrei algumas. Confesso que o livro me abalou profundamente. Ele me apresentou uma nova perspectiva deste problema, desta pandemia. Não digo que vai revolucionar a minha vida, mas me abanou. Os estudos científicos que nele são focados já conhecia. Os testemunhos nele contidos me emocionaram e fizeram chorar. Mas a referência às Profecias de Daniel me deixaram confusas. Confesso que não me lembro de quando foi a última vez que entrei numa igreja? Os fatos históricos são instrutivos e para meu filho que está a estudar o livro é utilíssimo. Confesso que o paralelo entre o dilúvio, o pecado do povo nessa época, Noé, a obediência me deixaram a pensar. Como é que esta Pandemia veio? Nos tempos do dilúvio também ninguém pensava que ele viesse que chovesse tanto. Foram apanhados de surpresa e nós também. Como os autores dizem no final... Eu também sou uma eterna aprendiz. Acho que vou ter de ler de novo o livro.

—————

Data: 18-07-2020

De: CRISTINA ISABEL FERREIRA LOPES (ERVIDEL)

Assunto: NÃO ME SINTO ESCUMALHA

Este vírus está a nos enlouquecer a todos. Todos desejamos travar o vírus. Mas não posso deixar de lamentar que muitos se queiram aproveitar do coronavírus para arrasar o que a civilização ocidental tem de melhor. Contra os que pretendem ver no vírus uma mensagem, contra o alarmismo do apocalipse, contra os obcecados pelo decrescimento e contra outros defensores da penitência, enfim, ver nele uma qualquer mensagem do Além, ergo a minha voz. Sou responsável pelo setor de exploração da Rede de Transportes do Município de Aljustrel. Contesto a ideia de que no recomeço, após a pandemia, "nada deve ser como antes". Pelo contrário, contra um mundo refém do medo, temos de voltar à confiança do aperto de mão, dos abraços e das viagens. Neste livro, os autores decidiram criticar os empresários ligados aos transportes públicos de forma que eu considero ofensiva, em especial, o Senhor Aloisio Ferreira que já foi Chefe de Segurança num Complexo Ferroviário. Nós mantivemos os nossos trabalhadores em Lay off e podem acreditar que não é fácil de um momento para o outro colocar de novo toda a nossa frota na rua. Não é aproveitamento da situação. Nós defendemos a vida em toda a sua plenitude, convivial, amorosa, política. Não alinhamos em utopias... tais como; Deus, dilúvio, e outras ilusões celestiais. Defendemos as portas da liberdade que são aeroportos, autocarros nas estradas, viagens, cosmopolitismo e comércio. Mas não podemos deixar de nos proteger. Quem nos vai pagar o prejuízo de três meses parados? Se o governo não nos pagasse os subsídios jamais poderíamos manter os nossos funcionários em casa recebendo metade do salário. Eu não me sinto escumalha.

—————